Destas mãos que falam, saem gritos d'alma, gemidos de dor, às vezes, letras com amor, pedaços da vida, por vezes sofrida, d'um iletrado escritor. Saem inquietações, também provocações, com sabor, a laranjas ou limões. Destas mãos que falam, saem letras perdidas, revoltas não contidas, contra opressões, das nossas vidas! (AJoão)

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Rua Isaltino Morais, Oeiras, Portugal

.
.



Imagem recebida por e-mail

1 comentário:

serico115 disse...

Mas parece que estes são os heróis da actualidade!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Acho que para além de uma placa toponímica ele até será capaz de ser proposto para que seja erigido um busto seu, para ser colocado em local público para a posteridade....
E se a moda pegar, não sei mais quantos poderão ser objecto de igual procedimento.
Mas aqui para nós: uns dinheirinhos por fora sempre dão um jeitão... Até para que depois de condenado tenha sido reeleito e se manter em plena liberdade... Estava a ver que até a juíza ainda teria de o indmenizar... mas lá se safou...

Contador, desde 2008:

Localizador, desde 2010:

Acerca de mim

A minha foto
"Horta do Zorate" é um blogue pessoal, editado por Alberto João (Catujaleno), cidadão do mundo, fazedor desencostado, em auto-construção há 59 anos.