Destas mãos que falam, saem gritos d'alma, gemidos de dor, às vezes, letras com amor, pedaços da vida, por vezes sofrida, d'um iletrado escritor. Saem inquietações, também provocações, com sabor, a laranjas ou limões. Destas mãos que falam, saem letras perdidas, revoltas não contidas, contra opressões, das nossas vidas! (AJoão)

terça-feira, 30 de setembro de 2008

Manuel Pinho, o iluminado...

"Durante 10 a 15 anos vivemos num mundo de prosperidade, pois bem, esse mundo acabou."

Manuel Pinho, ministro da economia, reagindo ao chumbo do "Plano Paulson", o plano de emergência da administração Bush que previa injectar no sistema financeiro norte-americano 700 mil milhões de dólares. Diário Económico online, 30/09/2008, reproduzido pelo EXPRESSO online.



Machado de Assis...


"Os nossos irmãos brasileiros, de que me sinto tão próximo, como brasileiro do coração, estão a celebrar a personalidade e a obra do escritor, que consideram o maior e mais importante da história literária do Brasil. O autor das Memórias Póstumas de Brás Cubas, de Dom Casmurro e Quincas Borba, entre outros, consagrou-se como o maior escritor brasileiro de todos os tempos. Correspondendo, para os brasileiros, ao nosso Camões, Eça ou Pessoa e que comparam a Tolstoi ou Gustave Flaubert.
Na verdade, Joaquim Maria Machado de Assis, mulato, neto de escravos libertos e de ascendência portuguesa, como o nome indica, de origem humilde, nunca frequentou uma universidade e viveu, quase sempre no Rio de Janeiro, uma vida boémia - em que aprendeu imenso a observar as pessoas nas suas grandezas e misérias - mas também sem descurar a sua ascensão social, por via da literatura. O que conseguiu, incontestavelmente, apesar dos preconceitos da época.
Contudo, na vida cultural portuguesa, a personalidade literária de Machado de Assis é obviamente conhecida e admirada, mas não suficientemente. Apesar de um professor da Universidade Nova de Lisboa, Abel Barros Baptista, ter publicado, recentemente, dois interessantes livros sobre Machado de Assis, na editora Enicampo. Por tudo isso me atrevo a aconselhar a leitura de Machado de Assis às jovens gerações, tão actual como a do seu homólogo português Eça de Queiroz, um génio que escreveu na nossa língua comum e que nos ajudará a reforçar nos nossos espíritos a importância decisiva para Portugal do Brasil. Brasil e Portugal, os dois maiores pólos da CPLP, que não pode continuar a ser tão-só um instrumento para a expansão e conhecimento da língua portuguesa no mundo - de primeiríssima importância, aliás -, mas também uma comunidade de afecto, de solidariedade e de interajuda, que envolva as sociedades civis dos Estados membros."
.
Mário Soares, DN, 30-9-2008
.
.

segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Soberbamente dito...

"Os fiéis do Deus-mercado parecem ter descoberto de repente as virtudes do Estado Social, devidamente adaptado aos valores da religião do lucro a qualquer preço e que, em vez de apoiar os pobres, subsidia os ricos."

Manuel António Pina, "Jornal de Notícias", 29 de Setembro de 2008, reproduzido pelo PÚBLICO online.

domingo, 28 de setembro de 2008

Foi dito por quem sabe do que fala...

"É possível que algumas figuras que estão no Governo tenham algum fascínio pelo dinheiro e pelo sistema".

Mário Soares, "Correio da Manhã", 28-09-2008, reproduzido pelo PÚBLICO online.



sábado, 27 de setembro de 2008

BENFICA 2 - Sporting 0...


Morreu o actor norte-americano Paul Newman...


"Faleceu esta madrugada o actor, realizador e activista humanitário Paul Newman. Vencedor de três Óscares da Academia e um dos maiores nomes de sempre do cinema, Newman perdeu a luta contra o cancro aos 83 anos.
O actor estava há vários meses na sua quinta em Westport, no estado norte-americano do Connecticut, onde lutava contra um cancro no pulmão. Em Maio, tinha abandonado planos para realizar uma nova película devido a problemas de saúde não especificados. Em 2007, anunciou o fim da sua carreira de actor.

Newman contava com um percursos de mais de 40 anos, marcado por desempenhos como o de Butch Cassidy & Sundance Kid. Trabalhou com Alfred Hitchcock, Martin Scorsese, os irmãos Coen, Elizabeth Taylor e Tom Hanks, entre outros.

Os olhos azuis de Newman faziam de si uma escolha ideal para desempenhar papéis românticos, mas o actor preferia ser o mau da fita, ou encarnar personagens mais complexas.

Foi nomeado para os Óscares dez vezes, vencendo três, incluindo dois prémios honorários.

Além de actor e realizador reconhecido pela crítica, Newman era ainda elogiado pelo seu trabalho humanitário. Fundou uma cadeia de restaurantes em que todo o lucro revertia para instituições de solidariedade social.

Até hoje, tinha dado 200 milhões de dólares para caridade e fundado vários campos de férias para crianças doentes de cancro.

Newman era também um apaixonado do automobilismo que participou em diversas corridas, conseguindo um segundo lugar em Le Mans em 1979.

Casou duas vezes, primeiro com Jackie Witte, depois com Joanne Woodward, e era um defensor da fidelidade conjugal: «Para quê comer um hamburguer fora, quando temos bife em casa?», declarou à Playboy nos anos 70.

Paul Newman, nascido no Ohio a 26 de Janeiro de 1925 numa família judaica de origem eslovaca, deixa duas filhas e um filho."
.
in SOL online, 27-9-2008
.
.

Como deixar uma mulher de cabeça "perdida"...

Três homens estão bebendo num bar e começam a falar sobre o que fizeram na noite anterior com as suas mulheres.

O italiano diz:
'Eu fiz uma massagem à minha esposa no corpo todo com um azeite de oliva finíssimo. Depois fizemos amor apaixonadamente e ela gritou durante 5 minutos sem parar.'

O francês, para não ficar atrás , diz:
'Eu fiz uma massagem à minha mulher também no corpo todo, com um azeite afrodisíaco especial e depois fizemos amor. Ela gritou durante 15 minutos seguidos.'

Português diz:
'Isso não é nada, eu fiz uma massagem à minha gaja com uma manteiga especial e acariciei-lhe o corpo todo com a manteiga. Depois fizemos amor e ela gritou durante 2 horas seguidas.'

O italiano e o francês , assombrados, perguntam:
'Duas horas ! Que fenómeno, como é que conseguiste que ela gritasse durante tanto tempo??

- ''Limpei as mãos aos cortinados !"


in: http://sol.sapo.pt/blogs/ahbruto/default.aspx




EQUIMAGOS - VI edição...


A Câmara Municipal de Salvaterra de Magos, pelo 6º. ano consecutivo, vai organizar, de 3 a 12 de Outubro de 2008, o EQUIMAGOS - Festival Equestre e Taurino de Salvaterra de Magos.

Destaques do programa:

03 de Outubro (Sexta-Feira)
21h30 - Espectáculo de Sevilhanas "Sunido Andaluz"

04 de Outubro (Sábado)
21h30 - Gala Equestre Nocturna

05 de Outubro (Domingo)
21h00 - Espectáculo "Encantador de Cavalos"

09 de Outubro (Quinta-Feira)
21h00 - Colóquio com o tema "O Forcado"

10 de Outubro (Sexta-Feira)
21h00 - Espectáculo musical com Pedro Barroso

11 de Outubro (Sábado)
10h30 - Demonstração do toureio a pé
11h30 - Treino de Forcados
15h00 - Leilão de Cavalos
21h00 - Espectáculo "Flamenco Al Andaluz"

12 de Outubro (Domingo)
15h00 - Jogos equestres do séc. XVIII
16h30 - Prova de Horseball (Escola de Equitação Vasco da Gama)
.
.
Este Festival conta com o apoio do Clube Taurino Salvaterrense.

sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Homenagem a Chaplin...


"Cinema: Geraldine Chaplin recorda em Lisboa perfeccionismo do pai e obsessão por Portugal.

Lisboa, 26 Set (Lusa) - A actriz norte-americana Geraldine Chaplin recordou hoje em Lisboa o seu pai, Charles Chaplin, como "um perfeccionista, um ditador artístico" que deixou como legado artístico aos oito filhos a dedicação e o trabalho árduo no cinema.

Geraldine Chaplin, 64 anos, está em Lisboa para ser homenageada no Lisbon Village Festival e para visitar a exposição "Chaplin in Pictures", feita a partir dos arquivos de família do realizador inglês.

Falando esta tarde aos jornalistas, depois de os cumprimentar com um generoso "Bom dia", Geraldine Chaplin partilhou memórias do convívio com Charles Chaplin e confessou que tem uma obsessão por Portugal, onde já rodou vários filmes.

"Tenho tido sempre experiências extraordinárias e Lisboa é de longe a cidade mais bonita da Europa", elogiou.

Recordou o trabalho com o realizador João Mário Grilo, quando rodou no Japão o filme "Os olhos da Ásia" (1996) e teceu largos elogios a "Body Rice", de Hugo Vieira da Silva, por ter ficado impressionada com a forma como o cineasta português fez "um filme brilhante".

Da ligação afectiva a Portugal, a actriz recordou ainda os tempos em que, no pós-25 de Abril, um polícia em Espanha a obrigou a despir uma camisola que tinha um cravo estampado e com alusões à revolução portuguesa.

Hoje, Geraldine Chaplin espera um dia de emoções fortes, já que inclui uma visita à exposição "Chaplin in Pictures", com cerca de 300 fotografias, cartazes, filmes caseiros e material de trabalho do seu pai, e uma homenagem à noite pelo Lisbon Village Festival com a exibição do filme "Cría Cuervos", de Carlos Saura, que protagoniza.

Sobre o seu pai, Geraldine Chaplin recordou alguém que "esteve sempre presente, mas nem sempre disponível", um homem de rigor e disciplina que ensinou "que é preciso saber aceitar a rejeição e criar uma pele de elefante".

A exposição, que estará patente no Palácio Pombal até 04 de Outubro, é, segundo Geraldine Chaplin, uma forma de fazer crer que "Charles Chaplin ainda está vivo" e que os seus filmes são uma forma de perpetuar a sua vida.

Geraldine Chaplin nasceu nos Estados Unidos em 1944, trabalhou com realizadores como Robert Altman, Alain Resnais, Jacques Rivette e Carlos Saura, com quem viveu.

A actriz afirma que foi o trabalho no cinema europeu que lhe deu prestígio e fama internacional, mas que nos tempos mais recentes é requisitada sobretudo para filmes de terror, desde que participou em "O orfanato".

Acabou de rodar um drama em Espanha e prepara-se para filmar um filme de terror no México.
O Lisbon Village Festival é um evento dedicado ao cinema digital, mas conta ainda com duas outras áreas de actuação: música e exposições.

A programação de cinema arranca no dia 29 nos Cinemas Campo Pequeno e Alvalade, com a competição oficial de longas-metragens e uma mostra de cinema espanhol.

Este ano, o Lisbon Village Festivl quer superar o número de espectadores, que em 2007 se cifrou em 12 mil entradas nas diferentes actividades do festival, entre exibições de cinema, concertos e exposições.

Além de Geraldine Chaplin outra das convidadas em destaque nesta edição é a actriz norte-americana Susan Sarandon, que estará em Lisboa na próxima terça-feira e que será alvo de um tributo."
.
Lusa, 26-9-2008
.
.

quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Promiscuidades - Laboratórios contratam ex-polícia dos medicamentos...

"A Autoridade Nacional do Medicamento (Infarmed) deu autorização para que o ex-presidente do organismo, Rui Ivo, passasse a representar os laboratórios farmacêuticos, mantendo o vínculo ao Estado, através de uma licença sem vencimento."

in CM online, 25-9-2008



Magalhães defende entrega de Magalhães a Órgãos de Polícia Criminal...


"É preciso massificar a computação portátil nas forças de segurança, uma arma ultraleve, mas mortal."

José Magalhães, secretário de Estado da Administração Interna, defendendo a criação de um "Magalhães policial", que permitisse aos efectivos das forças de segurança, a possibilidade de adquirir um computador portátil a baixo preço com o objectivo de simplificar o trabalho policial. Público, 25/09/2008, reproduzido pelo Expresso online.




Sabiamente dito sobre a sustentabilidade da Segurança Social...

"As políticas de privatização da segurança social ficaram desacreditadas: é eticamente monstruoso que seja possível acumular lucros fabulosos com o dinheiro de milhões de trabalhadores humildes e abandonar estes à sua sorte quando a especulação dá errado."

Boaventura de Sousa Santos, "Visão", 25 de Setembro de 2008, reproduzido pelo Público online.



quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Os pontos não marcados por Manuela Ferreira Leite...


"Quem quer ganhar as eleições tem que fazer por isso, e portanto, sempre que exista uma situação difícil para o Governo e onde a oposição pode marcar pontos, deve aproveitá-la. Ferreira Leite não o fez."

Domingos Amaral, Director da revista "GQ", "Diário Económico", 24-09-2008, reproduzido pelo Público online.



Com amigos destes, quem precisa de inimigos?

"Soldados norte-americanos mataram hoje acidentalmente um líder de uma patrulha iraquiana sunita. O soldado era membro de um movimento militar chamado “Filhos do Iraque” que dava apoio aos Estados Unidos."

in PÚBLICO online, 24-9-2008


terça-feira, 23 de setembro de 2008

Maioria dos portugueses desconhece que dor no peito e no braço são sintomas de ataque cardíaco...


"A maioria dos portugueses tem dificuldade em identificar sinais e sintomas de um ataque cardíaco, como a dor na zona do peito e no braço, revela um inquérito que será hoje divulgado, a propósito do Dia Mundial do Coração.

O estudo sobre "Enfarte agudo do miocárdio - gravidade associada, notoriedade dos factores de risco, reconhecimento dos sinais/sintomas e medidas preventivas" foi realizado pela Fundação Portuguesa de Cardiologia (FPC), responsável pelas comemorações do Dia Mundial do Coração, que se assinala domingo.

A investigação, a que a agência Lusa teve acesso, apurou que "a maioria dos inquiridos (400 indivíduos com idade igual ou superior a 30 anos) tem dificuldade em identificar sinais e sintomas do enfarte agudo do miocárdio".

"Estes dados vêem comprovar que há ainda muito trabalho por fazer", segundo Luís Negrão, médico assessor da FPC. O enfarte agudo de miocárdio ocorre quando a obstrução de uma artéria coronária restringe gravemente ou interrompe o fornecimento de sangue a uma região do coração e tem como sintomas uma dor súbita e intensa na zona do peito e uma dor no braço.

O inquérito revela ainda que quatro em cada dez portugueses, com idades acima dos 30 anos, continuam a não tomar medidas preventivas para evitar complicações cardiovasculares. Quase 30 por cento dos portugueses não efectua exames médicos regulares de prevenção, em particular a população com menos de 50 anos, segundo as conclusões do inquérito.

A investigação apurou que "dois dos principais factores de risco cardiovascular - o mau colesterol e a hipertensão - ainda não são tidos como tal junto da esmagadora maioria de portugueses acima dos 30 anos".

Entre os inquiridos que conhece ou já ouviu falar de enfarte agudo do miocárdio, quase metade não associa a alimentação rica em gorduras, o tabagismo ou a ausência de exercício físico regular a comportamentos de risco que podem ter consequências a prazo no desenvolvimento de doenças cardíacas.

De acordo com este inquérito, a maioria dos portugueses (cerca de 57 por cento) tem a percepção de que as doenças cardíacas são a principal causa de morte em Portugal, 96 por cento já ouviu falar do enfarte do miocárdio e cerca de 53 por cento já contactou ou conhece pessoas afectadas por um enfarte do miocárdio.

Dos que conhecem a doença, metade não receia vir a sofrer um enfarte e aponta como principais factores de risco a alimentação rica em gorduras, tabagismo e ausência de exercício físico regular.
Os indivíduos que afirmaram conhecer os aspectos da doença identificam a dor súbita ou intensa na zona do peito e a dor no braço como principais sintomas da doença. Do total deste grupo, 38 por cento assume não tomar medidas preventivas para evitar males maiores.

Entre os seis em cada dez portugueses com mais de 30 anos que fazem uma prevenção no dia-a-dia, as medidas chave de prevenção cardiovascular passam pela prática de exercício físico regular e hábitos alimentares.

Para o presidente da Fundação Portuguesa de Cardiologia, Manuel Carrageta, "as doenças cardiovasculares são largamente evitáveis através de um estilo de vida saudável, que inclua uma vida activa, uma alimentação saudável e um ambiente livre do tabaco."

As doenças cardiovasculares e os ataques cardíacos são responsáveis por 17,5 milhões de óbitos em todo o mundo, mais que a soma do número de mortes causadas por HIV/Sida, tuberculose, malária e diabetes, todas as formas de cancro e de doenças respiratórias crónicas.

O Dia Mundial do Coração tem este ano o lema "Sabe qual o seu risco?". A efeméride é assinalada em mais de cem países, incluindo Portugal, onde as câmaras municipais aderentes irão desenvolver várias iniciativas durante a manhã de domingo. Rastreios, caminhadas organizadas, corridas, sessões de ginástica, fóruns científicos, concertos e torneios de desporto são algumas das iniciativas previstas."
.
in SOL online, 23-9-2008
.
.

Sabiamente dito por Mário Soares...

"Perante a catástrofe iminente, aqueles mesmos que reclamavam, há poucos meses, menos Estado, mais privatizações, recorrem agora ao Estado, com total desfaçatez, isto é: ao dinheiro dos contribuintes. Privatizam-se os lucros e socializam-se os prejuízos - essa parece ser agora a regra."

Mário Soares, "Diário de Notícias", 23-09-2008, reproduzido pelo PÚBLICO online.



segunda-feira, 22 de setembro de 2008

Gripe severa ataca em 2008...


"Epidemia - previsão da Organização Mundial da Saúde.
Depois de dois anos calmos, este Inverno corre o risco de ser marcado por uma "epidemia de gripe severa [na Europa]". As preocupações dos especialistas são motivadas por uma estirpe "especialmente virulenta" que em 2007 foi responsável por três vezes mais casos de gripe na Austrália e que deverá agora passar para o Hemisfério Norte. A Organização Mundial da Saúde alerta para a necessidade de reforçar a prevenção do contágio, principalmente nos grupos de risco.

Em Portugal a vacina começa a ser vendida para a semana, a 1 de Outubro. Este ano foram compradas 1,6 milhões de doses, número semelhante ao do ano passado. A imunização é aconselhada para idosos, doentes crónicos e profissionais de Saúde. A grande novidade este Inverno é o facto de as farmácias poderem, pela primeira vez, dar a imunização (ver texto em baixo).

A subdirectora-geral da Saúde, Graça Freitas, diz que é importante as autoridades estarem preparadas para um surto severo, mas lembra que "a grande característica da gripe é ser imprevisível". A responsável explica que é "normal haver períodos de fraca actividade gripal seguidos de outros mais severos". E refere que no último Inverno australiano o número de casos já baixou. "Não sabemos se o vírus perdeu força ou se as pessoas estão mais imunizadas por terem contraído a doença e aumentarem as vacinas no ano anterior." Se for esse o caso, o vírus pode chegar à Europa ainda no pico da força.

Todos os anos as autoridades estudam qual o vírus em circulação no Mundo e definem qual será a vacina a produzir. Pela primeira vez em vinte anos a vacina integra imunização para três estirpes.

Das 1,6 milhões de doses compradas por Portugal no Inverno passado, vinte por cento não foram utilizadas. Graça Freitas espera vir a aumentar a taxa de cobertura – já chega aos cinquenta por cento nos idosos com mais de 65 anos, setenta por cento nos que vivem em lares e instituições.

Mas ainda tem números modestos noutros grupos de riscos, como os doentes com problemas respiratórios, renais ou cardíacos e os profissionais de saúde.

FARMÁCIAS PODEM VACINAR
É o primeiro ano em que as farmácias vão poder administrar vacinas aos utentes. A imunização contra a gripe é uma delas. O calendário previsto para a medida entrar em vigor é o mesmo da campanha de vacinação: 1 de Outubro. Graça Freitas diz que a mudança não trará problemas e lembra que os centros de saúde continuam a vacinar.

RECEITA LONGA
Em vez dos habituais vinte dias de prazo-limite para levantar uma receita médica na farmácia, a vacina da gripe pode ser adquirida até Dezembro. É a segunda vez que o Ministério da Saúde alarga a duração da prescrição médica para evitar rupturas de stock nos primeiros dias de Outubro.

OUTUBRO É O MÊS IDEAL
Apesar de poder ser tomada até Janeiro, Outubro é o mês ideal para receber a vacina. Uma imunização atempada previne as primeiras gripes do ano e mantém o efeito nos meses seguintes.

RISCO PARA MAIS DE UM MILHÃO DE PORTUGUESES
Uma época normal de gripe atinge entre dez e15 por cento da população, o que em Portugal representa 1,5 milhões de pessoas. Quando existe uma epidemia, o número de casos sobe. As doses de vacinas compradas pelo País rondam este número. A capacidade de produzir vacinas é limitada porque todos os anos o padrão do vírus é diferente e os laboratórios têm de adaptar o medicamento à estirpe em circulação. Por isso, as autoridades lembram que a imunização é apenas aconselhada para os grupos mais vulneráveis e não para a população em geral. Apesar disso, no ano passado várias empresas, incluindo a Caixa Geral de Depósitos, decidiram adquirir estes produtos para vacinar todos os trabalhadores.

CONSELHOS
Medicamentos
As gripes não são tratadas com antibióticos – não actuam contra vírus, não melhoram os sintomas nem aceleram a cura.

Consulta
Uma pessoa com gripe não deve ir a uma Urgência. Pode antes ligar para o Saúde 24.Tel. 808 24 24 24.

Reduzir o contágio
Lavar as mãos com frequência e evitar o contacto com pessoas infectadas.

Crianças
Não deve ser dada aspirina sem recomendação médica.

NÚMEROS
8 euros é o preço de cada vacina. Quando é comparticipada pelo Estado o valor desce para três euros.

70 por cento dos idosos vacinados é a meta prevista pelas autoridades nacionais para 2010. Neste momento ronda os 50 por cento.

250 000 a 500 mil mortes ocorrem anualmente no Mundo por complicações associadas à gripe.

40 000 a 220 mil são as mortes na Europa, em especial de idosos – mais do que as mortes na estrada."
.
in CM online, 22-9-2008
.
.

DECO organiza protesto nacional contra aumento dos combustíveis...

"A associação de defesa do consumidor, DECO, organiza no próximo sábado uma jornada nacional de protesto contra o preço dos combustíveis, apelando aos consumidores para não abastecerem os veículos durante todo o dia.

O slogan da campanha lançada pela DECO é: "Preços dos Combustíveis: assim não! Sábado 27: Não se esqueça, não abasteça"."

in JN online, 22-9-2008


Morreu Moisés Ayash...

"Morreu ontem em Lisboa o antigo presidente da mesa da Assembleia Geral do Sporting, Moisés Ayash, vítima de doença prolongada. Ayash pertencia ao actual Conselho Leonino."

in Correio da Manhã online, 22-9-2008



Nota do editor deste blog:
Tive o privilégio de conhecer pessoalmente Moisés Ayash...Prestigiado sportinguista e, sobretudo, um grande ser humano...Vergo-me perante a sua memória.
.

domingo, 21 de setembro de 2008

Justiça: Leveza das medidas de coacção para criminosos violentos preocupa representantes das autoridades...

"Justiça: Leveza das medidas de coacção para criminosos violentos preocupa representantes das autoridades.

Agentes da autoridade estão preocupados com brandura das medidas de coacção aplicadas a suspeitos de criminalidade violenta, e apelam a mudança de mentalidade."

Lusa, última hora, 21-9-2008





Os OPC's (Órgãos de Policia Criminal) estão convencidos que a melhor forma de combater a criminalidade violenta é agravar as medidas "repressivas"?


A solução não estará em medidas (governativas) que combatam as causas (desemprego, desigualdades sociais, educação, etc, etc.)?

.
.

sábado, 20 de setembro de 2008

Mendes propõe inelegibilidade para Isaltino, Valentim e Fátima Felgueiras...

"Tornar inelegíveis e obrigar à imediata suspensão de funções de autarcas como Isaltino, Valentim ou Felgueiras, é uma das propostas incluídas no livro que Marques Mendes lança para a semana."

in Expresso online, 20-9-2008



Filipe Soares Franco e a Sagres Zero...

"Ser campeão, financeiramente, vale quase zero"

Em entrevista ao Expresso, o presidente do Sporting explica o lucro apresentado pelo clube no último ano mesmo sem ter vendido nenhuma das 'jóias' da formação. Soares Franco confessa que esperava mais da equipa no jogo da 'Champions' com o Barcelona, mas volta a passar um 'cheque em branco' a Paulo Bento.

in EXPRESSO online, 20-9-2008




Como eu o compreendo, caro Filipe Franco...é como se obrigassem o meu ilustre presidente a beber a Sagres ZERO.




Eu, Alberto João, me confesso...


Chávez está a esticar demasiado a corda...como irá isto acabar?

"O Governo venezuelano expulsou a delegação da Human Rigths Watch (ONG) no país, um dia depois de a organização de defesa dos direitos humanos ter publicado um relatório em que denuncia a erosão da democracia no país.

A ordem de expulsão visou o chileno José Miguel Vivanco, director para as Américas da HRW, e norte-americano Daniel Wilkinson, subdirector da organização, que se deslocaram a Caracas para a apresentação do relatório."

in PÚBLICO online, 20-9-2008



sexta-feira, 19 de setembro de 2008

Rica crise...


Acidente do avião da Spanair em vídeo...

"Há novas imagens do acidente aéreo no aeroporto madrileno de Barajas. A 20 de Agosto, um avião da Spanair despenhou-se ao levantar voo, arrastando para a morte 153 pessoas.

As imagens, um exclusivo do jornal espanhol El País, mostram o avião, em derrapagem, antes de incendiar-se. "Há gente a caminhar pelo fogo", ouve-se num dos vários registos áudio a que aquele diário espanhol teve acesso.

As gravações das primeiras comunicações internas do aeroporto resumem o nervosismo e a confusão que se seguiu à constatação de que se tratava de um acidente aéreo. Segundo o "El País", os funcionários improvisam, quase às cegas, nos primeiros minutos de grande desconcerto a seguir ao acidente."

in JN online, 19-9-2008

Bloco de Esquerda do AVESSO...

"Portugal, país do primeiro mundo rico, tem hoje dois milhões de habitantes que necessitam de ajuda alimentar. Com a persistência da política anti-social, mitigada por esmolas, daqui por uns anos terá três milhões."

João Paulo Guerra, "Diário Económico", 19 de Setembro de 2008, reproduzido pelo PÚBLICO online.


Com esta realidade NUA e CRUA, o nosso Bloco de Esquerda, traz para a Agenda Politica o casamento de homossexuais...

Com um amigo assim, os portugueses desfavorecidos não precisam do Paulo Portas...






Tabaco mata três vezes mais do que o álcool...

"Um estudo comparativo mostra que o tabaco foi responsável por três vezes mais mortes em Portugal do que o álcool. Os custos para o Estado do tratamento de doenças relacionadas também foram 2,6 vezes superiores.

O tabaco matou 12 615 pessoas no nosso país em 2005, cerca de três vezes mais do que o álcool, responsável por 4054 óbitos no mesmo período. São algumas das conclusões de um estudo comparativo entre os dois principais factores de risco para a saúde. Os resultados foram apresentados ontem pelo economista Miguel Gouveia, depois do debate com 28 peritos.

O estudo revela que o tabaco foi responsável por 12% do total de mortes no país, durante esse ano, sendo as principais causas as doenças respiratórias (49,4%) e o cancro (26%).

O estudo salienta ainda que o tabaco provocou 3,5 vezes mais danos e teve um peso 2,6 superior em termos de custos.

Em relação aos custos, o estudo aponta para o Serviço Nacional de Saúde gastar um total de 490 milhões de euros em doenças relacionadas com o tabaco. Destes, 126 milhões de euros foram despesas com internamentos hospitalares e 364 milhões custos de ambulatório, incluindo despesas com medicamentos, consultas e meios complementares de diagnóstico.

O álcool, por seu turno, terá sido responsável por um gasto total de 189 milhões de euros - 93 milhões em ambulatório e 96 milhões em internamento.

Em 2005, havia 20% de fumadores em Portugal. Um terço dos homens e 10% das mulheres fumavam.

Dos habitantes do continente com mais de 15 anos, 7,45 por cento consumia álcool em excesso - mais dos seis copos de vinho diários. Na população masculina essa percentagem é de 13,5% e na feminina 1,9.

O director-geral de Saúde comprometeu-se a não ignorar as conclusões do estudo ontem divulgado. Francisco George, afirmou que um dos erros da lei do tabaco é prever consultas para deixar de fumar em todos os centros de saúde, porque "não há médicos especialistas em cessação tabágica".

"Mas estas consultas devem existir para grandes fumadores e para as grávidas", disse o director-geral de Saúde que informou ir propor a alteração da lei neste aspecto.

Francisco George referiu ainda que a lei vai ser avaliada dentro de cerca de dois anos e meio com base na recolha e análise de vários dados estatísticos, deixando em aberto alterações em função dos resultados: "Podemos depois aligeirar ou apertar a lei. "

Os investigadores frisaram que os números do estudo não devem ser lidos como uma forma de "minorar os problemas do álcool", nomeadamente os efeitos na violência doméstica, acidentes viários e casos graves de saúde mental."

in JN online, 19-9-2008



quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Menopausa - Viver em pleno a sexualidade...


"O início da menopausa não afecta a sexualidade. "Desde que a mulher seja devidamente acompanhada e não tenha problemas médicos não se deve pensar que a menopausa pode afectar a sexualidade", explicou ao CM o psiquiatra e sexólogo Júlio Machado Vaz, salientando que "não existe nenhuma razão para a mulher deixar de sentir desejo ou prazer".

O ginecologista/obstetra Mário de Sousa, presidente da Sociedade Portuguesa da Menopausa, indica os sintomas que afectam 75 por cento das mulheres: 'No período que antecede a menopausa e durante o processo as mulheres têm calores, suores, alterações de sono, alterações de humor que se traduzem em comportamentos depressivos e ansiosos e atrofia urovaginal que na prática é a secura da vagina. Todos estes factores são tratáveis.'

Júlio Machado Vaz acredita que algumas mulheres se sentem inseguras com a chegada deste ciclo: 'Ainda há mulheres que encaram a menopausa como mais do que o simples fim da capacidade reprodutiva e esses casos podem dar origem a depressões.'

A menopausa acontece na maioria dos casos entre os 45 e os 55 anos. 'Antes dos 40 consideramos uma menopausa precoce e nesses casos as mulheres correm riscos de osteoporose e de problemas cardiovasculares', sublinha Mário de Sousa.

Os especialistas são unânimes quando se fala de atrofia urovaginal: 'A secura da vagina faz com que a penetração seja dolorosa, mas há terapias. Se a mulher não tiver contra-indicações toma hormonas [esterogéneos] de substituição ou faz uma terapia localizada', revela o porta-voz da Sociedade Portuguesa da Menopausa.

Quando a vida sexual no casal não é satisfatória ou não está bem resolvida, a entrada na menopausa pode agravar o conflito íntimo: 'É evidente que se a sexualidade já não estava bem a menopausa vai agravar a situação, uma vez que a maioria das mulheres precisa de ser medicamente acompanhada', remata Mário de Sousa.

APONTAMENTOS

HÁBITOS SAUDÁVEIS
A partir dos 25 anos as mulheres devem promover hábitos de vida saudáveis para evitar menopausas precoces.

DIETA EQUILIBRADA
Entre cinco a dez por cento das mulheres engorda durante a menopausa, apresentando dificuldades em eliminar esses quilos. Os especialistas recomendam às mulheres com mais de 35 anos que vigiem o peso e não se deixem engordar.

TABACO E ÁLCOOL
As fumadoras e as mulheres que consomem álcool regularmente correm riscos acrescidos de sofrer uma menopausa precoce.

MÉTODO CONTRACEPTIVO
Durante a pré-menopausa as mulheres devem tomar um método contraceptivo pois correm o risco de engravidar.

NEM TODOS OS HOMENS PASSAM PELA ANDROPAUSA
O hipogonadismo masculino tardio, vulgarmente designado por andropausa, pode surgir em homens a partir dos 50 anos, embora muitos não passem por esta fase: 'Na andropausa existe uma diminuição da testosterona e há sintomas associados a este processo como a falta de apetite sexual, a falta de libido, a disfunção eréctil, a adiposidade e distúrbios osteomusculares', explicou ao CM o médico Manuel Mendes da Silva, da Associação Portuguesa de Urologia. Quando há sintomas é conveniente o homem realizar análises: 'Muitas vezes os homens nem se apercebem de que estão na andropausa', afirma o especialista. E prossegue: 'De uma maneira geral os homens são mais fechados do que as mulheres e têm pudor em falar abertamente sobre a andropausa.'

ESPECIALISTA RECOMENDA BOM SENSO
Um estudo apresentado em Fevereiro nas V Jornadas de Urologia, em Coimbra, dá conta de que os homens de meia-idade se sentem insatisfeitos com a sua vida sexual e que desejavam ter mais relações sexuais. 'É preciso ter bom senso. A partir de certa altura da vida, os homens sofrem diminuição da hormona testosterona. Podem não sentir nem passar pela andropausa, mas um homem com 60 anos não pode querer ter o vigor sexual que tinha aos 20, por exemplo', diz ao ‘CM’ o urologista Manuel Mendes da Silva. Outro inquérito europeu, realizado em 2005, revela que 80 por cento das mulheres entre os 50 e os 60 anos considera fundamental uma vida sexual satisfatória. As mulheres devem visitar o ginecologista com regularidade e reforçar essas visitas assim que tiverem algum dos sintomas que indicam o início do ciclo da menopausa.

NOVA FASE NÃO CONDICIONA SEXO
O psiquiatra e sexólogo Júlio Machado Vaz diz que não existe nenhuma relação entre a menopausa e a ausência de uma vida sexual plenamente satisfatória."
in CM online, 18-9-2008

MRPP - Breve historial no dia do seu 38º. aniversário...



"Antes de partir para o encontro da NATO em Bruxelas, em 28 de Maio de 1975, Vasco Gonçalves promoveu uma reunião do Conselho da Revolução – que decidiu calar para sempre o MRPP (Movimento Reorganizativo do Partido do Proletariado), dirigido por Arnaldo Matos.

A ofensiva contra a organização maoísta foi a resposta a um sequestro levado a cabo por um grupo de militantes chefiado por Saldanha Sanches. O MRPP, em 17 de Maio, sequestrou um oficial ‘comando’, Marcelino da Mata, guineense de etnia Papel, que serviu o Exército Português na guerra colonial integrado no Batalhão de Comandos Africanos. Marcelino da Mata foi entregue pelo MRPP à assembleia de soldados do RALIS e severamente torturado.

Nesse mesmo dia, Arnaldo Matos convocou uma conferência de Imprensa – e denunciou que o comandante Alpoim Calvão estava a constituir um exército clandestino em Espanha para atacar Portugal. Marcelino da Mata, segundo o MRPP, trabalhava para Alpoim Calvão. No dia seguinte, em acções de rua organizadas em Lisboa, Amadora e Santarém, o MRPP exije “justiça popular” sobre Jaime Neves e Salgueiro Maia. Ainda no dia 18, o MRPP manifesta-se ruidosamente junto à embaixada norte-americana a reclamar a expulsão do embaixador Frank Carlucci, antigo director da CIA.

O sequestro de Marcelino da Mata foi conduzido por forma a atirar as culpas para a ala militar afecta ao Partido Comunista. E as acusações a Jaime Neves e a Salgueiro Maia, ambos moderados, levaram a uma pública intervenção do capitão Matos Gomes, um dos mais influentes oficiais comunistas do Regimento de Comandos, em defesa dos dois militares.

O Conselho de Revolução, numa reunião em 27 de Maio, decidiu calar o MRPP. No dia seguinte, já Vasco Gonçalves estava em Bruxelas para o encontro da NATO, forças militares do COPCON, comandado por Otelo Saraiva de Carvalho atacam o MRPP: em 28 de Maio, foram presos 400 militantes do MRPP, na sua maioria estudantes, em Lisboa. Entre os detidos, Arnaldo Matos. Surgiu então, pintada nas paredes da capital, a célebre frase: “Libertação imediata do camarada Arnaldo Matos - o Grande Educador da classe operária”.

Arnaldo Matos conseguiu evadir-se do Hospital Militar, onde estava internado sob prisão. O partido, embora em dificuldades, conseguiu movimentar-se – e os militantes e dirigentes presos acabaram por ser libertados pouco tempo depois. O episódio da guerra aberta contra o MRPP demonstra, ainda, a inconstância política de Otelo Saraiva de Carvalho. O comandante do COPCON, a unidade militar na primeira linha da ofensiva que visou o MRPP, mantinha alguns encontros com Arnaldo Matos – e chegou a aconselhar Vasco Gonçalves, a encontrar-se com o líder maoísta.

Durante os meses que se seguiram à Revolução de Abril, Francisco Sá Carneiro, líder do Partido Social-Democrata (PSD) encontrou-se secretamente, por várias vezes, com Arnaldo Matos. Os encontros decorreram em casa do coronel Aventino Teixeira, conhecido como o “mais civil dos militares”, com amigos em todos os campos políticos, da direita à extrema-esquerda.

A ligação do militar a Arnaldo Matos é antiga. Conheceram-se na Faculdade de Direito, ainda antes de 1970, quando Aventino Teixeira, colocado na Escola Prática de Administração Militar (EPAM), no Lumiar, em Lisboa, resolveu ir estudar Direito. Nesse tempo, numa altura em que Arnaldo Matos era procurado pela PIDE, Aventino Teixeira teve artes e engenho para esconder o futuro “grande educador da classe operária” onde se sabia que a polícia política nunca o encontraria: no quartel.

Duas correntes agitavam então o MRPP. Uma, inspirada por Arnaldo Matos, definia o Partido Comunista como o principal inimigo político - era a “linha vermelha”. Outra, liderada por Saldanha Sanches, defendia uma aproximação aos comunistas – era a “linha negra”. O conhecido especialista em Direito Fiscal acabou por perder esta guerra e saiu do partido. Estava a cúpula dirigente do MRPP dividida entre a eleição do inimigo, quando do lado do PSD surgiu a sugestão para o primeiro encontro entre Sá Carneiro e Arnaldo Matos. O portador do convite foi Aventino Teixeira. A reunião decorreu em casa do militar, nos Olivais. E de que falaram os líderes do PSD e do MRPP? “Limitei-me a servir os whiskies” - dirá mais tarde Aventino Teixeira.

O certo é que Sá Carneiro, após estes encontros, passou a utilizar nos comícios expressões como “social-fascistas” e “social-imperialistas” – exactamente os mesmos adjectivos com que o MRPP habitualmente se referia ao Partido Comunista."




REVOLUÇÃO DIA A DIA

25 de Maio (1975) - Sá Carneiro, doente no estrangeiro, cede o lugar de secretário-geral do PPD a Emídio Guerreiro.

27 de Maio - Extrema-esquerda ocupa a Rádio Renascença - que, em vez da designação de emissora católica, passa a chamar-se Rádio Renascença ao serviço dos trabalhadores.

28 de Maio - Vasco Gonçalves participa em Bruxelas numa reunião da NATO. Ofensiva do COPCON contra o MRPP: é preso Arnaldo Matos e mais 400 militantes. Manifestação de apoio ao MFA, em Lisboa, convocada pelo PCP.





ARNALDO MATOS

O Movimento Reorganizativo do Partido do Proletariado (MRPP) de inspiração maoísta foi fundado em 18 de Setembro de 1970, numa casa da Estrada do Poço do Chão, em Benfica, Lisboa. Os fundadores foram Arnaldo Matos, Fernando Rosas e João Machado (funcionário dos TLP).

Em 1969, Arnaldo Matos ganhou a Associação de Estudantes da Faculdade de Direito, à frente da lista da Esquerda Democrática Estudantil: derrotou então uma lista inspirada pelo PCP e encabeçada por Alberto Costa, actual ministro da Justiça.




ENCONTROS SECRETOS ENTRE O PS E O MRPP

Mas não foi apenas Sá Carneiro a sentir o fascínio e o apelo da extrema-esquerda. Também Mário Soares se encontrou várias vezes com Arnaldo Matos. O resultado destes encontros consubstanciou-se no apoio do MRPP ao PS em acções de rua e para travar o PCP em sindicatos e empresas.

Um dos encontros entre Mário Soares e Arnaldo Matos foi rodeado de aspectos anedóticos. Soares foi vendado e metido dentro de um carro que andou às voltas por Lisboa – para que ele não soubesse o local secreto onde iria avistar-se com o líder maoísta. Passou a existir uma estreita cooperação entre socialistas e maoístas, sobretudo quando o PS precisava de assanhados reforços para algumas acções de rua. Uma vez, os socialistas foram cercados na sede, em S. Pedro de Alcântara, por manifestantes do PCP e da UDP. A ajuda chegou pelo MRPP – que mobilizou uma verdadeira companhia de choque devidamente armada com barras de ferro. Após um monumental arraial de pancadaria, em que do lado maoísta foram disparados alguns tiros, os manifestantes do PCP e da UDP abandonaram vencidos o campo de batalha."

Manuel Catarino - CORREIO DA MANHÃ - 22.05.2005, reproduzido no blog: http://xatooo.blogspot.com/





Notas do editor deste blog:
1 - Fui um acérrimo activista do MRPP nos tempos do PREC (Período Revolucionário Em Curso).
2 - O texto acima transcrito, é o mais fidedigno que encontrei na net.
3 - O PREC ocorreu de 25/4/74 a 25/11/75.

A. João

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Foi dito sobre a hipotética CABALA contra o Partido Socialista...

“Se alguém tem provas da cabala, faça um favor à democracia e apresente queixa ao Ministério Público”

Rui Rangel, juiz desembargador, Correio da Manhã, 17-9-2008.



Mulher de Gonçalo Amaral: “O meu marido é uma vergonha”...



"Carta aberta: Mulher de Gonçalo Amaral reage com ironia ao ataque de Kate.

Kate McCann acusa Gonçalo Amaral de "como pessoa e profissional" o seu comportamento ser "uma vergonha" – e a mulher do ex-coordenador da PJ, num estilo irónico e por carta aberta a que o CM teve acesso, agradece à mãe de Maddie "por um sentimento" que as une "às duas".

Profissionalmente, começa por expor Sofia Leal, "enquanto coordenador de investigação criminal, o meu esposo sempre se recusou a estar sentado das 09h00 às 17h00 na confortável cadeira do seu gabinete, como aliás é inerente àquela categoria. Em vez disso, passava o dia (e muitas vezes a noite) com os investigadores no terreno, coordenando ‘in loco’ buscas, vigilâncias, apreensões. Uma vergonha!"

A título de exemplo, "um episódio" ligado ao caso. "Em Maio de 2007, iniciámos o processo de mudança da nossa família para Portimão. Era suposto o meu esposo entrar em gozo de férias no dia a seguir ao desaparecimento da sua filha. Por ‘motivos óbvios’, assim não aconteceu. Iniciei novo emprego, procurei casa, fiz mudanças e tentei integrar as nossas filhas em novas escolas e rotinas. Tudo isto sozinha, sem qualquer apoio do meu esposo, que, por ‘motivos óbvios’, procurava a filha da Srª Kate..."

"Em Outubro, no dia do aniversário, apenas uma semana depois de as nossas filhas terem começado o ano lectivo, o Gonçalo Amaral é demitido e volta a Faro. Era suposto ser o tempo de reencontro da família e, afinal, foi o de mais uma separação. Então, isto não é uma vergonha?", pergunta Sofia Leal a Kate.

"As nossas filhas nunca compreenderam – e nós nunca conseguimos explicar-lhes que ‘motivos tão óbvios’ seriam esses que assim [com um afastamento imediato da investigação do caso Maddie] premiavam um pai que deixava as suas filhas para procurar uma criança que nem sequer conhecia e cujos pais a tinham negligenciado. Pena foi que a minha cara amiga Srª Dª Kate, já cá não estivesse à data, porque até poderia ter-nos sido de grande utilidade na tentativa de explicação dos ‘motivos óbvios’ da demissão do pai às nossas filhas..."

"A BOCA FOGE PARA A VERDADE. NÃO PARE!"

Depois de agradecer a Kate por exprimir o seu sentimento de "vergonha" para com o comportamento do marido, Sofia Leal pede à sua "boa amiga" que lhe perdoe "os desabafos de esposa e mãe". "Termino a missiva pedindo-lhe que remeta à senhora sua mãe os meus mais sinceros elogios. Pareceu-me tão sincera quando, em entrevista, referiu que tinha vontade de arrear uns bofetões a quem deixou os netos sozinhos. Falou tão abertamente que até parecia uma genuína avó portuguesa..." E fecha com um pedido à "cara amiga" Kate McCann: "Agora que a boca lhe começou a fugir para a verdade não pare. Continue. E diga lá a verdade de que o Mundo inteiro tem estado à espera..."

"PASSOU O NATAL NA CADEIA"

"Como pessoa", responde a mulher de Gonçalo Amaral a Kate, "o comportamento dele também tem sido uma vergonha, mais que não seja porque nunca foi possível distinguir nem ter vida pessoal com esta forma de encarar a profissão que abraçou". E dá o exemplo do caso Joana, há cinco anos, também investigado pelo marido. "A mãe, tal como a Srª Dª Kate, tentou projectar o caso para a comunicação social. [...] Depois vieram as confissões e provas: no decurso de um acto incestuoso da mãe e do tio, a criança foi espancada, retalhada e o corpo depositado sabe-se lá onde." No Natal, Gonçalo Amaral pediu à mulher que preparasse "um saco com comida e roupas e, num acto de contrição e penitência", foi para a cadeia "repartir a sua ceia de Natal com o tio de Joana, assassino confesso e psicopata declarado"."


in CM online, 17-9-2008




Sou contra o casamento gay...


Fazer uma alteração ao Código Civil para permitir a realização de casamentos entre pessoas do mesmo sexo, é promover uma aberração.
Quem quiser continuar no caminho desse comportamento desviante (homossexualidade), na minha opinião, deve ter a liberdade de o fazer.
Coisa diferente é o Estado, enquanto regulador da comunidade, desempenhar o papel de promotor de aberrações sexuais.
Se o caminho fosse a liberdade absoluta, como parecem defender o Bloco de Esquerda e Verdes, num futuro próximo, tudo seria permitido.
Até as coisas mais horrorentas, como a pedofilia, o incesto, etc, etc...

Estados Unidos: FED salvou AIG com empréstimo de 85 mil milhões de dólares...


"Washington, 17 Set (Lusa) - O banco central norte-americano anunciou terça-feira que vai conceder à AIG um empréstimo que poderá chegar aos 85 mil milhões de dólares, justificando a sua atitude pelo perigo que representava a falência da seguradora para os mercados financeiros.

O conselho de administração do FED "indicou que, nas circunstâncias actuais, uma falência não controlada da AIG poderia aumentar a fragilidade já significativa dos mercados financeiros e provocar um aumento substancial dos custos do crédito, uma redução da riqueza das famílias e um enfraquecimento da performance económica" do país.

O banco central norte-americano indicou que os interesses do contribuinte estão protegidos por certas disposições chave do empréstimo.

O Estado norte-americano vai receber uma participação de 79,9 por cento do capital da AIG e recebe o direito de vetar a distribuição de dividendos aos accionistas e detentores de títulos preferenciais.

O empréstimo será pago pela AIG graças ao produto da venda de activos.

O dinheiro emprestado pelo FED vai permitir à seguradora "honrar as suas obrigações actuais e à medida que estas se apresentem".

O empréstimo vai facilitar a venda de forma ordenada de certas actividades do grupo, "perturbando o menos possível a economia global".

Este empréstimo é concedido por um período de 24 meses e será calculado com base na taxa Libor a três meses, mais 850 pontos de base."
.
Lusa, última hora, 17-9-2008
.

Vinte minutos a ligar o 112 em vão...

"Uma família da freguesia de Gondomar, concelho de Guimarães, não se conforma com o facto de ter estado 20 minutos à espera que um operador do 112 atendesse o telefone.

No passado dia 10, uma criança de 13 meses engoliu, inadvertidamente, uma espinha, quando a avó lhe dava bocados de faneca ao jantar. Quando se preparavam para dar uma colher de sopa, a avó e a madrinha repararam que o menino estaria com qualquer coisa entalada. "Começou a deitar sangue pela boca, devido à espinha que o estava a picar, e ficou roxo e vermelho", contou a madrinha, Leonor Nogueira.

Com medo que a criança sufocasse, o pânico instalou-se de imediato e a família tentou contactar o 112. "Liguei para o 112 eram 20.50 horas. Até às 21.10 continuei a ligar e não fui atendida por ninguém", explicou Leonor. Como ninguém atendia do outro lado da linha os familiares da criança decidiram utilizar o carro e dirigiram-se para o hospital mais perto, nesta caso o Hospital António Lopes, no concelho vizinho da Póvoa de Lanhoso. "Com medo que acontecesse algo ao menino pelo caminho continuei a telefonar para o 112 e no intervalo de uma chamada para a outra ainda me atenderam mas só ouvia barulho do lado de lá e acabaram por desligar", acrescentou.

Durante os cerca de 11 quilómetros que separam a freguesia de Gondomar do hospital da Póvoa de Lanhoso, a madrinha da pequena criança continuou a ligar, mas sempre sem sucesso. "Eu tremia só de pensar que o menino podia morrer ali sem a ajuda do INEM".

Já no hospital, a família pôde finalmente descansar, já que a criança recebeu todos os cuidados e foi-lhe retirada a espinha da garganta. No entanto, os momentos de aflição que viveram não serão esquecidos tão cedo e Leonor Nogueira, já refeita do susto, ainda pensou ligar de novo o 112 para "agradecer a ajuda" que lhes foi prestada.

Já em casa, Leonor ainda pensou que a sua chamada tivesse ficado registada na central do 112 e que lhe poderiam ligar mais tarde mas acabou por não ser contactada por ninguém. "Prestaram um mau serviço e talvez para a próxima seja preferível ligar directo para os bombeiros, porque o 112 simplesmente não funcionou", concluiu.

O INEM descarta qualquer responsabilidade uma vez que só recebe as chamadas que dizem respeito à saúde depois de reencaminhadas pela central do 112 que normalmente está ligada ao comando da PSP. Fonte deste comando confirmou ao JN que "por vezes a linha pode estar com sinal de chamada em espera por estar ocupada". A mesma fonte acabou por lamentar o sucedido e reiterou o pedido para que a população "não brinque com o 112, já que pode estar com isso a impedir o socorro a quem realmente precisa". "

in JN online, 17-9-2008



Gasolina está 5% mais cara do que devia estar...

"Os preços dos combustíveis não estão a descer com a mesma rapidez com que subiram, face à evolução do barril de petróleo. Em Agosto, a gasolina esteve 5% mais cara do que em Maio, quando devia ter estado mais barata.

Ontem, o preço do petróleo Brent, referência para Portugal, desceu mais uma vez, chegando a negociar abaixo de 90 dólares. Contudo, a queda do crude para valores abaixo dos cem dólares, que se verifica de forma sistemática há uma semana, não está a reflectir-se, para já, no bolso dos consumidores."

in JN online, 17-9-2008




terça-feira, 16 de setembro de 2008

Teresa Schönborn (Casa Cadaval - Muge) eleita "Mulher do Vinho 2008"...



"Vinicultura: "Mulher do Vinho 2008" partilha prémio com equipa que cumpre tradição de cinco gerações.

Muge, 16 Set (lusa) - Eleita "Mulher do Vinho 2008", a produtora Teresa Cadaval afirma ser apenas a "ponta do iceberg" da equipa responsável pelos vinhos da Casa Cadaval, um negócio que abraçou por "não ter outro remédio" e a que junta a paixão pelos cavalos.

"Toda a minha vida ouvi falar de vinho, o tema em casa era sempre o vinho e não tive outro remédio senão gostar", afirma a produtora, recordando que tanto a sua mãe - herdeira da casa Cadaval - como o seu pai - da casa alemã Schloss-Schönborn vinham de tradições familiares vinícolas.

Para Teresa Cadaval, vencer um prémio como o "Mulher do Vinho 2008" na terceira edição dos Prémios Internacionais EVA às Mulheres da Gastronomia, anunciado na semana passada em Espanha, não é um fim em si, mas uma maneira de ganhar mais visibilidade para o negócio: "é sempre bom receber um prémio destes, bom para Portugal e bom para a casa".

O prémio, que Teresa Cadaval receberá em Pamplona no próximo dia 18, é o único prémio gastronómico feminino internacional e o júri entendeu premiar "a combinação e o equilíbrio da modernidade e do classicismo", classificando a produtora como "um dos tesouros de Portugal".

"Eu só recebo o prémio porque sou da Casa, não é um prémio exclusivamente meu, mas acaba por ser adequado, uma vez que esta casa está há cinco gerações nas mãos de mulheres, afirma.

Mas o facto de ser mulher num mundo em que a maior parte dos produtores são homens não a faz sentir especial ou diferente: "como não sei como se sente um homem por ser homem neste negócio, sinceramente não sei dizer a diferença que faz ser mulher".

No negócio, Teresa Cadaval aplica uma fórmula simples: "procuro seguir as passadas do meu pai, que olhou sempre para o futuro, porque na minha família, o lema é 'recebes, mas tens que melhorar'".

"Como todos os produtores, quero fazer um vinho que seja o melhor do mundo, que tenha um perfil internacional", afirma.

Num mundo em que "a concorrência é muito grande" e a sorte tem um papel importante, Teresa Cadaval destaca a importância de "muito trabalho, não ficar inactivo e procurar sempre novos mercados, para conseguir ter o produto certo na altura certa".

Da produção dos 5400 hectares da Casa do Cadaval, "cinquenta por cento vai para exportação, para os Estados Unidos, Reino Unido, Benelux, Alemanha, Polónia, Canadá e Angola, um mercado recente para onde só vão os vinhos mais caros".

Na casa do Cadaval fazem-se vinhos com as castas Touriga Nacional, Trincadeira, Merlot cabernet, Pinot, os tintos, que constituem "90 por cento da produção" e brancos com as castas Fernão Pires, Arinto e Riesling.

Além de se assumir como a "cabeça de uma equipa" que está por trás da Casa do Cadaval, Teresa Cadaval é ainda presidente da Rota dos Vinhos do Ribatejo, que gostava que "funcionasse melhor, porque por enquanto há pouca divulgação".

"Há pouco dinheiro, estamos associados com [a associação de promoção turística] Caminhos do Ribatejo e vamos tentar juntar sinergias", acrescentou.

"Nesta zona há muita oferta, o problema é mesmo a divulgação...estamos tão perto de Lisboa, onde uma pessoa pode vir passear, provar e comprar vinho", argumenta.

No que toca ao produto do ano vinícola, Teresa Cadaval afirma que vai ser "um ano de muito boa qualidade, de pouca quantidade, mas que pode dar grandes vinhos", acrescentando que "o clima contribuiu, porque não houve demasiado calor e não choveu durante a vindima" e prevendo uma produção "entre 200 mil e 250 mil garrafas".

Teresa Cadaval gosta de acompanhar as diversas fases da produção, levanta-se cedo.

Além de produzir, Teresa Cadaval não dispensa apreciar o vinho, elegendo a casta Trincadeira como a sua preferida e que "acompanha lindamente a cozinha mediterrânica".

Na propriedade, muitas das 43 pessoas que trabalham na produção são de Muge e das terras em volta, algumas das quais já ali trabalham há "40 e 50 anos".

Teresa Cadaval pode ter ficado conhecida pelo vinho, mas a sua paixão real são os cavalos lusitanos: na Casa do Cadaval há "uma das coudelarias mais antigas", que actualmente tem setenta animais.

"Já fomos várias vezes campeões de 'dressage' e atrelagem e criamos ainda cavalos de toureio", refere com orgulho junto a um dos garanhões da casa, o "Santo"."

Lusa/Jornal de Notícias online, 16-9-2008




"Teresa Cadaval é a 'Senhora do Vinho' de 2008.
Produtora de vinhos portuguesa premiada em Espanha.
Teresa Cadaval venceu o prémio 'Senhora do Vinho' dos Prémio Eva 2008, em Espanha. Trata-se do único prémio gastronómico feminino internacional, uma criação da Associação de Mulheres Empresárias de Navarra e do Governo de Navarra.
O objectivo é homenagear um conjunto de personalidades internacionais que se destacam a nível mundial como promotoras da excelência gastronómica nos mais diversos campos, através da selecção realizada por um júri onde estão especialistas do Estados Unidos da América, França, Espanha, Itália e Brasil.

Fonte da agência de Comunicação responsável pela internacionalização da Casa do Cadaval, a Força Motriz, sublinhou a importância deste prémio: «Assume uma especial relevância, dada a importância estratégica de Espanha, enquanto parceiro económico de Portugal e possibilita também o reconhecimento de um produtor português num mercado onde os vinhos nacionais se tem deparado com reconhecidas dificuldades de penetração».

O SOL sabe que o gabinete do Primeiro-ministro José Sócrates já felicitou a vencedora, que receberá o prémio na próxima quinta-feira, numa cerimónia em Pamplona.

A casa Cadaval é uma empresa do sector agro alimentar que gere cerca de 5,400 no Ribatejo. A herdade está na posse da família desde 1648, e integra a Casa Cadaval Investimentos Agrícolas, uma sociedade anónima que factura cerca de quatro milhões de euros por ano, empregando cerca de 40 pessoas.

A herdade possui 54 hectares de vinha (nos anos 50 chegou a ter mais de 400). Além dos vinhos e da coudelaria, a Casa Cadaval tem áreas dedicadas à produção florestal, suinicultura, e criação de bovinos mertolengos, e actividades complementares na área turística e dos incentivos."
.
in SOL online, 16-9-2008
.

Jolie e Pitt dão milhões contra a SIDA...



"O casal de "superstars" norte-americanas Angelina Jolie e Brad Pitt ofereceu dois milhões de dólares para financiar operações de saúde na Etiópia, de onde é originário um dos seus filhos adoptivos, anunciou a organização beneficiada.


"O Global Health Committee (GHC) anuncia que receberá 2 milhões de dólares [1,4 milhões de euros] da fundação Jolie-Pitt para fornecer medicamentos vitais para os etíopes que sofrem do vírus da sida e de tuberculose", precisou esta ONG num comunicado.


"O dinheiro será utilizado para criar um centro para as crianças que sofrem de sida e de tuberculose na capital Addis Abeba e para ajudar a montar um programa destinado a tratar os casos de tuberculose resistente aos medicamentos e que afectam crianças e adultos", segundo a mesma fonte.


Um centro semelhante existe já no Camboja, também financiado pela fundação criada por Angelina Jolie e Brad Pitt.


"O nosso objectivo é transferir o sucesso que tivemos no Camboja para a Etiópia, onde as pessoas morrem de tuberculose apesar de ser uma doença curável, e de sida, que pode ser tratada", afirmou a actriz.


A clínica de Adis Abeba será baptizada com o nome de Zahara, a menina adoptada na Etiópia pelo casal e que tem agora três anos de idade.


"Esperamos que quando Zahara for mais crescida, ela assuma responsabilidades nesta clínica e continue a sua missão", explicou Brad Pitt.


No final de Junho, a fundação Jolie-Pitt ofereceu um milhão de dólares em prol da educação das crianças atingidas pela guerra no Iraque.


Brad Pitt e Angelina Jolie criam seis crianças, três das quais adoptadas e gémeos nascidos este Verão em França.


A acriz é embaixadora de boa vontade da UNICEF, o Fundo das Nações Unidas para a Infância, enquanto o companheiro participou, designadamente, em acções de reconstrução no Luisiana (Sul dos Estados Unidos), depois da passagem do furacão Katrina no final de Agosto de 2005."

.

in JN online, 16-9-2008

.

.

Espanha: Pilotos da Spanair não verificaram sistema sonoro que alerta para problemas...

"Pilotos do avião, despenhado em Agosto, não verificaram sistema de avisos sonoros e ficou por detectar avaria nos flaps que poderia ter evitado acidente.

A Spanair podia ter evitado o acidente aéreo de 20 de Agosto que custou a vida a 154 pessoas. A conclusão é do primeiro relatório da comissão que está a investigar o acidente. A companhia aérea não cumpria as recomendações do fabricante, a Boieng .

No relatório, a que o jornal espanhol El Mundo teve acesso e que hoje divulga, a companhia não respeitou as recomendações da Boeing em relação ao sistema sonoro que avisaria os pilotos de que a configuração do avião para descolar não era a correcta."

Lusa, última hora, 16-9-2008



O Ramadão...


"O Ramadão (português europeu) ou Ramadã (português brasileiro) , também grafado Ramadan (em árabe رَمَضَان) é o nono mês do calendário islâmico. É o mês durante o qual os muçulmanos praticam o seu jejum ritual (saum, صَوْم), o quarto dos cinco pilares do Islão (arkan al-Islam).

A palavra Ramadão encontra-se relacionada com a palavra árabe ramida, “ser ardente”, possivelmente pelo facto do Islão ter celebrado este jejum pela primeira vez no período mais quente do ano. Uma vez que o calendário islâmico é lunar, o Ramadão não é celebrado todos os anos na mesma data, podendo passar por todas as estações do ano.

É mês sagrado, período de renovação da , da prática mais intensa da caridade, e vivência profunda da fraternidade e dos valores da vida familiar. Neste período pede-se ao crente maior proximidade dos valores sagrados, leitura mais assídua do Alcorão, freqüência à mesquita, correção pessoal e autodomínio.

O jejum é observado durante todo o mês, do alvorecer ao pôr-do-sol. O jejum aplica-se também ao fumo e às relações sexuais. O crente deve não só abster-se destas coisas, mas também não pensar nelas. Durante o Ramadão, é comum a freqüência mais assídua à mesquita. Além das cinco orações diárias (salat), durante este mês sagrado recita-se uma oração especial chamada Taraweeh (oração noturna).

É o único mês mencionado pelo nome no Alcorão."
.
in Wikipédia, a enciclopédia livre.
.
.
Nota do editor deste blog:
Este ano (2008), o Ramadão teve inicio no passado dia 01/9 e prolonga-se até 02/10.
.

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Vitorino diz que há tensão entre PS e Belém...


"António Vitorino considera que existe ambiente de tensão entre a maioria socialista e Belém e que Presidente da República tem razão sobre o Estatuto dos Açores."
.
Lusa, última hora, 15-9-2008
.

PSD: Jardim chama demente a Morais Sarmento...


"PSD: Jardim comenta Morais Sarmento e diz que nas casas de saúde também há quem diga que é Napoleão."



"Alberto João Jardim desvalorizou no Porto a afirmação de Nuno Morais Sarmento sobre uma eventual candidatura à presidência do PSD, afirmando que "nas casas de saúde também há muita gente que diz que é Napoleão ou Júlio César"."
Lusa, última hora, 15-9-2008




Contador, desde 2008:

Localizador, desde 2010:

Acerca de mim

A minha foto
"Horta do Zorate" é um blogue pessoal, editado por Alberto João (Catujaleno), cidadão do mundo, fazedor desencostado, em auto-construção há 59 anos.