Destas mãos que falam, saem gritos d'alma, gemidos de dor, às vezes, letras com amor, pedaços da vida, por vezes sofrida, d'um iletrado escritor. Saem inquietações, também provocações, com sabor, a laranjas ou limões. Destas mãos que falam, saem letras perdidas, revoltas não contidas, contra opressões, das nossas vidas! (AJoão)

segunda-feira, 6 de junho de 2011

Francisco Louçã, o segundo mais derrotado das Legislativas 2011, perdeu metade dos deputados, mas diz:


"Daqui não saio, daqui ninguém me tira!!!"



Se o povo português tivesse a infelicidade de algum dia 'eleger' para primeiro-ministro de Portugal o senhor Anacleto Louçã, seria preciso esperar pelo menos aí uns 48 anos para haver um grupo de capitães que fizessem uma revolução para o tirar de lá à força.

C'um catano! Onde fui eu buscar esta dos "48 anos"?

Este gajo, perdão, este senhor gajo, não é aquele que anda sempre a reclamar a responsabilidade dos outros? Então?

Pois, pimenta no cu dos outros, para ele é refresco!


Imagem in Google

Sem comentários:

Contador, desde 2008:

Localizador, desde 2010:

Acerca de mim

A minha foto
"Horta do Zorate" é um blogue pessoal, editado por Alberto João (Catujaleno), cidadão do mundo, fazedor desencostado, em auto-construção há 59 anos.