Destas mãos que falam, saem gritos d'alma, gemidos de dor, às vezes, letras com amor, pedaços da vida, por vezes sofrida, d'um iletrado escritor. Saem inquietações, também provocações, com sabor, a laranjas ou limões. Destas mãos que falam, saem letras perdidas, revoltas não contidas, contra opressões, das nossas vidas! (AJoão)

segunda-feira, 27 de março de 2017

DIA MUNDIAL DO TEATRO



Hoje, segunda-feira, 27 de março, celebra-se o Dia Mundial do Teatro.
Para comemorar simbolicamente esta data, publico aqui uma foto do Grupo de Teatro da Sociedade Recreativa Catujalense, com o elenco que em 1976 estreou a peça "Filho Sozinho", um drama em 3 actos, de Francisco Ventura, cujo papel de filho, sozinho, foi interpretado por mim, com 18 anos de idade na altura.
A peça foi estreada no dia 31 de julho de 1976, e durante cerca de dois anos foi apresentada em palcos do concelho de Loures e Vila Franca de Xira.
Este período foi, sem dúvida, um dos mais Felizes da minha vida!
Votos de uma segunda-feira Feliz para Todos Vós!




Elenco, da esquerda para a direita, de cima para baixo:
Adolfo Vilela (já falecido); Idalina Pego; Maria Leonor Almeida; Manuel de Almeida (encenador, já falecido); Maria Helena Pêgo; Maria José; José Júlio Tavares; Alberto Cá'marranjo; Joaquim Tavares (já falecido); Alberto João (Catujaleno); e José Pêgo.




Sem comentários:

Contador, desde 2008:

Localizador, desde 2010:

Acerca de mim

A minha foto
"Horta do Zorate" é um blogue pessoal, editado por Alberto João (Catujaleno), cidadão do mundo, fazedor desencostado, em auto-construção há 58 anos.