Destas mãos que falam, saem gritos d'alma, gemidos de dor, às vezes, letras com amor, pedaços da vida, por vezes sofrida, d'um iletrado escritor. Saem inquietações, também provocações, com sabor, a laranjas ou limões. Destas mãos que falam, saem letras perdidas, revoltas não contidas, contra opressões, das nossas vidas! (AJoão)

sexta-feira, 20 de maio de 2011

"O melhor pedido de casamento de sempre"

Matt Still é provavelmente um dos homens mais desejados e invejados do Mundo. É o autor de um vídeo com milhões de visitas no Youtube e considerado como "o melhor pedido de casamento de sempre". Veja o vídeo no final do texto

O "velho" encanto romântico de Hollywood, tantas vezes perdido em fórmulas estudadas e vendidas em cinemas "multiplex", com pipocas e refrigerantes a borbulhar, foi recuperado, ultrapassado até, num pedido de casamento original, cumprido num cinema.

Ginny Joiner foi com o irmão Charlie ver um filme, no cinema em McDonough, Atalanta, EUA. Entre o "trailer" de "A Ressaca 2" e o filme "Fast Five", começa o "trailer" do pedido de casamento, considerado por muitos como o melhor de sempre, feito pelo noivo, Matt Stiller.

"Uma história de amor tão verdadeira, que não podia ser escrita", começa o "trailer". Não consta se é a voz-off se as imagens, de meio-corpo para baixo, escondendo os rostos, que denunciam o proponente, mas após a primeira frase Ginny Joiner fica, literalmente, de boca aberta.

"É o Matt e o pai?", pergunta ao irmão, Charlie, actor secundário neste filme, homem a quem o noivo confiou a missão de levar a noiva ao local do pedido.

Realizado por Pedro Escobar, o "trailer" vai resumindo o momento em que Matt pede autorização ao sogro para casar com Ginny. "Pode parecer antiquado, mas é importante para mim e para a sua filha. Posso pedir-lhe a mão da sua filha?", pergunta o noivo, no filme.

Ginny, já não tem dúvidas. Ao ouvir a voz, ainda que remasterizada à moda de Hollywood, numa conversa entre dois homens, filmada a meio-corpo, sabe que é a alma gémea que está no grande ecrã a pedir autorização ao pai para lhe apresentar um anel de noivado.

"É o Matt", exclama, cobrindo o rosto com as mãos, ainda antes de os dois homens se abraçarem e o plano abrir para finalmente a imagem se focar no rosto do pai de Ginny, a aceitar Matt como genro. A noiva chora, de alegria.

Como em qualquer produção de Hollywood, um carro vemelho, icónico cavalo branco dos tempos modernos, arranca a grande velocidade. Matt acelera para o cinema, nervoso, para concluir, cara-a-cara, o pedido de casamento.

Matt compra pipocas e respira fundo, enchendo-se de coragem, para entrar na sala de cinema, onde o filme passa a realidade. O noivo, cumprindo o ritual do imaginário romântico do último século, ajoelha-se, apresenta um anel e faz o pedido de casamento.

Não se ouve um sim, da noiva. Sente-se um sim, soluçado antes de as luzes se acenderem e Ginny perceber que está rodeada de amigos e família no cinema. Cerca de 100 estranhos, que compraram bilhete para o filme principal, aplaudem o bónus, no grande ecrã e na vida real.

O "trailer", baptizado de "Fazer ciúmes ao cinema", é bem capaz de deixar Hollywood a roer-se de inveja. Rotulado de "melhor pedido de casamento de sempre", e colocado no Youtube, é já um sucesso, com mais de 6,4 milhões de visitas em quatro dias.



Texto in JN online, 20-5-2011
Vídeo in YouTube

Sem comentários:

Contador, desde 2008:

Localizador, desde 2010:

Acerca de mim

A minha foto
"Horta do Zorate" é um blogue pessoal, editado por Alberto João (Catujaleno), cidadão do mundo, fazedor desencostado, em auto-construção há 59 anos.