Destas mãos que falam, saem gritos d'alma, gemidos de dor, às vezes, letras com amor, pedaços da vida, por vezes sofrida, d'um iletrado escritor. Saem inquietações, também provocações, com sabor, a laranjas ou limões. Destas mãos que falam, saem letras perdidas, revoltas não contidas, contra opressões, das nossas vidas! (AJoão)

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Um exemplo para o juiz Afonso Dinis Nunes, do Tribunal de Alenquer


Juiz Wesley Brown continua no tribunal aos 103 anos

«Um juiz norte-americano continua a fazer julgamentos aos 103 anos, o que lhe garante o estatuto de juiz federal mais velho em actividade. Apesar de ter atingido o direito à pré-reforma em 1979, Wesley Brown só deixou de aceitar casos de julgamentos criminais em Março, dedicando-se apenas aos casos cíveis.



- Juiz Wesley Brown -

Wesley Brown desloca-se todos os dias para o Tribunal de Wichita, no estado do Kansas, numa cadeira de rodas eléctrica e mantém um tanque de oxigénio junto à sua cadeira.

Sendo um dos quatro juízes federais nomeados durante a presidência de John Fitzgerald Kennedy, Brown diz que "cumprir este serviço público lhe dá uma razão para viver".

O juiz de 103 anos começou a exercer advocacia em 1933, sobreviveu a duas mulheres e só passou a viver numa residência para idosos há quatro anos.»


in CM online, 11-4-2011


Por cá, neste país riquíssimo, à beira-mar plantado, no Tribunal de Alenquer, mais concretamente com o juiz Afonso Dinis Nunes, a coisa funciona assim:



Imagem do despacho in http://maiactual.blogspot.com/



Notas do Zorate:
Um país faz-se com as mulheres e os homens que tem.
País que tem grandes homens e mulheres, será certamente um grande país.
País onde abundam mulheres e homens de caca, nunca passará de um país de merda!
O exemplo dado ontem pelo presidente da AMI (Assistência Médica Internacional), é a prova provada desta tese.

Sem comentários:

Contador, desde 2008:

Localizador, desde 2010:

Acerca de mim

A minha foto
"Horta do Zorate" é um blogue pessoal, editado por Alberto João (Catujaleno), cidadão do mundo, fazedor desencostado, em auto-construção há 59 anos.